Imprensa

;
01-Nov-2018 10:32 - Atualizado em 01/11/2018 10:43
Arquitetura & Urbanismo

Casa Container: a mais nova alternativa a habitações populares

outubro, 2018, imprensa, Flickr – Edward
Casa ContainerFlickr – Edward

Sozinha, a construção de uma casa container figura como uma das soluções mais modernas, ágeis e eficazes na busca por proporcionar sustentabilidade aos processos construtivos. Agora, imagine aliar as vantagens do uso de containeres habitáveis à possibilidade de dar vida a empreendimentos populares, com o mesmo conforto, segurança e facilidades de uma estrutura convencional? Graças ao projeto VIVA! Casas Inteligentes, isso já é possível.

Marca do Grupo Colmeia, que trabalha com soluções inteligentes em engenharia modulada, a iniciativa nasceu com o objetivo de lançar métodos para a construção civil mais rápidos, limpos e que respeitassem o meio ambiente. “Criamos o VIVA! pensando na conquista de algo sonhado. Nada melhor do que realizar um sonho, principalmente quando se trata de moradia! E o consumidor final tem aprovado”, revela Julio César Delfino, diretor comercial da empresa.

A proposta do projeto é facilitar o acesso às casas de container, tendência em alta no Brasil. Por meio do programa, futuros moradores ou investidores encontram no container residencial a chance de obter moradias semimobiliadas e com design atual, além de escolher o número de dormitórios. Apesar dos custos reduzidos e do perfil popular, com parcelamento facilitado, as casas feitas de containers ainda contam com acabamento de alto padrão, conforto térmico e móveis planejados.

novembro, 2018, editor, Divulgação
Casa container conceito, exposta pelo Grupo Colmeia durante o lançamento do VIVA Casas InteligentesDivulgação

Por meio do VIVA!, o Grupo já instalou três casas do tipo na Região Sul, sendo duas em Porto Alegre e uma na cidade de Viamão, ambas localizadas no Rio Grande do Sul, onde também fica a empresa.

Como construir uma casa container de baixo custo?

Com processos similares aos de uma obra convencional, o fator que mais diferencia a construção com container das demais é o tratamento dado à chapa dos caixotes marítimos. Assim que os módulos habitáveis chegam à empresa, são desamassados, passam pela retirada de possíveis pontos de ferrugem, recebem resina e são pintados. Já a composição interna, segundo Delfino, é feita com drywall, sendo os procedimentos céleres e limpos.

novembro, 2018, editor, Divulgação
As casas de container criadas no VIVA permitem cômodos com maior flexibilidade e design modernoDivulgação

“No entanto, antes de tudo, ouvimos o cliente, visto que nenhuma casa é padrão e cada pessoa é única. Depois, passamos para a apresentação e aprovação do projeto 3D, em que levamos em conta a posição solar e a predominância dos ventos. A execução, por sua vez, é feita no pátio da Colmeia, pois o controle de qualidade, aproveitamento de materiais e gerenciamento de resíduos são mais eficientes quando monitorados”, explica o diretor.

Ele observa, ainda, que para a construção de uma casa container é fundamental garantir a presença de um engenheiro técnico que seja responsável pela obra modular, bem como respeitar o código de obras de cada município e as normas de construção civil. Outro aspecto importante é o controle de origem do container. “Muitas empresas não tomam esse cuidado e oferecem ao mercado containeres contaminados, colocando em risco a saúde dos ocupantes”.

Funcionalidade e equilíbrio em todas as fases

novembro, 2018, editor, Divulgação
Planta da casa container Viva Unique, um dos empreendimentos do programa entregues pelo GrupoDivulgação

Não bastassem as vantagens ecológicas e, sobretudo, sociais de habitações como as do projeto VIVA!, uma casa de container também contribui com a redução no consumo de água, de tempo e da geração de entulho. De acordo com Delfino, a construção não só reaproveita uma sucata de quatro toneladas, como é feita praticamente sem o uso de recursos hídricos, os resíduos gerados representam apenas 1% do montante produzido em uma obra comum e o tempo de entrega da residência é de até 90 dias.

Em relação aos custos/benefícios, o gasto médio da edificação de uma casa container é 20% mais baixo. A chamada fidelidade orçamentária é a grande responsável por seu perfil economicamente viável, o que é quase impossível ocorrer em um projeto arquitetônico tradicional. Além disso, a quantidade de materiais de construção e equipamentos utilizados durante a execução é bem menor quando comparada a de um canteiro de obras.

Sustentabilidade e custos à parte, o ganho funcional também é benefício que faz de um container habitável uma excelente opção. Para o diretor do Grupo Colmeia, o fato de a casa ser móvel representa uma grande vantagem aos seus habitantes. “Mesmo que ainda utilizemos pouco essa modalidade no Brasil, ‘levar um imóvel’ hoje para passar o verão na praia e o inverno na serra pode ser barato e facilmente adotado, se o cliente quiser!”.

novembro, 2018, editor, Colmeia
Uma das vantagens da casa container é a escolha por um layout interno idêntico aode uma residência convencional Colmeia

Embora as moradias construídas e comercializadas pelo VIVA! Casas Inteligentes facilitem a compra por serem mais baratas, Delfino alerta que financiamentos bancários facilitariam ainda mais a construção de uma casa container no país. “Para que essa modalidade seja mais aceita no Brasil, se faz necessária a criação de um financiamento com juro igual ao oferecido no programa MCMV. O fato de as pessoas não poderem utilizar o seu FGTS para comprar a casa também inibe o sonho de muita gente”, conclui o executivo.

Tem Sustentável
Deixe seu Recado