Imprensa

;
11-Jan-2018 13:15 - Atualizado em 11/01/2018 13:34
Automação Residencial

3 Métodos de Automação Residencial para Segurança nas Férias

Férias!

Nesta época, muitos brasileiros já estão com planos de viagens de verão. 

Contudo, é sempre uma preocupação deixar uma residência vazia neste período.

Já imaginou chegar em casa e não encontrar móveis e eletrodomésticos? Infelizmente, esta é uma cena bastante comum – e possível – de acontecer.

No entanto, é totalmente possível prevenir com que os arrombamentos de residências aconteçam, de forma inteligente e inovadora.

O uso de sistemas de automação residencial para segurança oferece técnicas que trazem monitoramento total aos moradores de casas inteligentes.

Com tecnologia integrada a todos os demais subsistemas de casa, as soluções domóticas são hoje, os recursos mais avançados em termos de controle de imóveis.

O mercado brasileiro é ávido por novidades em segurança residencial automatizada e cada dia mais está interessado em sistemas práticos e autônomos.

Se por um lado isto consolidou empresas, também exige crescente diferenciação dos instaladores.

Por isso, é hora de voltar os olhos para produtos completos e complexos, como as soluções em smart home!

2018, editor,
2018
INTEGRAÇÃO COM CÂMERAS E CFTV

Na dianteira da automação residencial para segurança, temos de destacar a instalação de circuitos fechados de TV (CFTV).

As câmeras de vídeo se tornaram o principal dos aparelhos para segurança residencial na última década. Com a integração destes recursos aos sistemas de segurança eletrônica – antes inacessíveis pelo preço – à rede de computadores, os fabricantes tornaram estes produtos cada vez mais fáceis ao consumidor.

Não obstante, boa parte das câmeras no mercado são produtos stand-alone, com instalação que não necessita de profissionais.

O aspecto positivo deste sistemas foi o custo baixo para o cliente final, que foi estimulado a ocupar o espaço do instalador de câmeras.

Por outro lado, os produtos do tipo do-it-yourself possuem limitações que o serviço profissional consegue sanar facilmente, tais como:

  • Pontos cegos, por conta da incorreta topologia do sistema de câmeras;
  • Incompatibilidade de equipamentos: entre câmeras IP e decodificadores de sinal (DVR);
  • Problemas de integração entre equipamentos e Internet (cabeamento ou wireless);

Existem ainda questões da interoperabilidade destes produtos e o monitoramento destes equipamentos. Mais do que nunca, tornou-se essencial a ligação destes sistemas com a tecnologia mobile disponível, dando condições a vigilância remota por meio de smartphones.

Dentre os métodos de automação residencial para segurança está a oferta de aplicativos com autonomia para visualização em tempo-real da casa.

A partir da instalação dos equipamentos aos módulos de automação, o integrador ganha capacidade de fazer a distribuição correta de câmeras pelo imóvel. Em outra mão, pode personalizar toda a funcionalidade do usuário com sua automação via interface.

Toda a aplicação pode ser construída de acordo com as preferências estéticas e funcionais do cliente. Por exemplo, caso um usuário precise de uma abordagem de automação assistiva, é plenamente fazê-la de acordo com suas limitações de usabilidade.

2018, editor,
2018
CONTROLE DE ACESSO

Que tal controlar o acesso de casa e habilitá-lo para aqueles quem você quiser?

É muito comum que os moradores peçam para que vizinhos ou familiares que visitem a casa para detectar alguma invasão.

Ou então, peçam para que prestadores de serviços de limpeza trabalhem durante este período ou alimentem animais de estimação.

Neste caso, a instalação de interfaces de acesso ou leitores biométricos permitem o acesso controlado, sem a necessidade de porteiros. Integrada ao sistema de câmeras no smartphone, o serviço se torna completo no monitoramento de entradas.

Caso o usuário queira ainda mais dispositivos de automação residencial para segurança destinados a prevenção, outros recursos podem ser adicionados.

  • Sensores de portas e janelas com notificação para mobile;
  • Sirenes de alerta invasor;
  • Alarmes;

Tudo dependerá do sistema de segurança residencial escolhido e seus periféricos. De maneira geral, os sistemas complexos oferecem recursos similares, sejam cabeados ou sem fio.

E não, estes recursos não estão restritos apenas a segurança domiciliar!

Os ambientes comerciais podem contar com os mesmos recursos a um custo baixo de instalação e integração aos demais sistemas do imóvel. Através do serviço do integrador, iluminação, climatização e segurança são integradas em sob um mesmo sistema automatizado.

Desta forma, o ambiente automatizado estará preparado para qualquer tentativa de invasão e ganhará capacidade de gerenciar de forma econômica às luzes do edifício.

Estas funcionalidades também auxiliam a autonomia da segurança residencial ou do ambiente corporativo.

Mas, isto é assunto para o tópico seguinte!

2018, editor,
2018
SIMULAÇÃO DE CENAS

O fator de ocupação faz total diferença na percepção da vulnerabilidade de um imóvel.

No mercado, é muito comum recorrer a sistemas de alarme residencial que fazem tarefas similares, em diferentes níveis. Existem soluções com monitoramento por empresas de vigilância até produtos complexos, com sensores de presença integrados.Porém o investimento é bastante alto para boa parte do consumidor brasileiro.

Neste ponto, a automação se diferencia, pois utiliza a capacidade de processamento descentralizado de dados de seus periféricos para criar soluções domóticas de excelente custo-benefício.

O que isto significa exatamente?

Que, graças à instalação de sensores e atuadores na infraestrutura do imóvel, torna-se possível o planejamento de um sistema de reação autônoma às condições de tempo e espaço de um imóvel.

Sim, estamos falando de controle econômico de luz e funcionamento de equipamentos pelo próprio sistema de automação!

A partir de predefinições no aplicativo – as chamadas cenas – o usuário agenda comandos para que a iluminação seja pontualmente acionada, enquanto estiver ausente do imóvel.

Esta é a chamada simulação de presença, uma funcionalidade de segurança única da automação residencial.

Além de agendar comandos que dão a impressão de ocupação, outro recurso de automação residencial para segurança é a dimerização. Com ela, é possível ajustar luzes externas com a potência necessária para iluminar o exterior do imóvel, priorizando a economia energética.

Neocontrol
Deixe seu Recado